Clipping de Relações Internacionais

Itália desmantela rede que explorava transexuais recrutados em favelas

Posted in Europa, Segurança Nacional & Defesa by Emilia C. de Paula on 09/10/2012

Itália – BBC – 09/10/12.

A polícia italiana anunciou ter desmantelado nesta semana uma rede de prostituição que levava à Itália transexuais brasileiros recrutados, principalmente, em favelas do Rio de Janeiro.

Segundo informações de autoridades italianas, divulgadas pela agência de notícias ANSA, 28 supostos integrantes da rede teriam sido detidos em três regiões italianas – Lazio, Campania e Umbria.

(more…)

Comentários desativados em Itália desmantela rede que explorava transexuais recrutados em favelas

7.000 familias de favelas de Río podrían ser desahuciadas por las obras de cara al Mundial

Posted in Américas, Social & Questões Culturais by Emilia C. de Paula on 24/04/2012

Brasil – El Mundo – 24/04/12.

Pasear por la favela de Metro-Mangueira, a escasos metros del estadio de Maracaná, es una experiencia desoladora. Los consumidores de ‘crack’ aprovechan que parte de la comunidad se ha convertido en un montón de escombros para vagar por los terrenos.

(more…)

Tagged with: , , ,

Comentários desativados em 7.000 familias de favelas de Río podrían ser desahuciadas por las obras de cara al Mundial

Polícia e Forças Armadas concluem ocupação de 9 favelas no Rio

Posted in Américas, Segurança Nacional & Defesa by Nejme Joma on 06/02/2011

Rio de Janeiro, 6 fev (EFE).

A Polícia do Rio de Janeiro, com apoio das Forças Armadas e de outros organismos de segurança, ocupou neste domingo nove favelas dominadas até então por traficantes e o fez “sem um único disparo”, segundo as autoridades.

“A operação foi um sucesso, ocorreu sem uso de armas de fogo, nenhuma violência, sem mortos ou feridos”, declarou em entrevista coletiva o secretário de Segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame.

Participaram da ação 526 agentes e 105 fuzileiros navais, com apoio de um helicóptero e 21 blindados.

Os policiais e militares entraram nas nove favelas, situadas na região central do Rio de Janeiro, durante a madrugada deste domingo e não encontraram resistência.

Beltrame considerou que os criminosos podem ter sido “intimidados” diante da forte presença policial e, inclusive, podem ter fugido nos dias anteriores à ocupação, mas esclareceu que as tropas se ocuparão agora de localizar o paradeiro dos criminosos e capturá-los.

A partir de agora, relatou o Beltrame, os policiais começam um trabalho de entrar nas casas. O auxílio da população nessa fase também é importante por meio da denúncia de moradores sobre os locais utilizados por traficantes para armazenar armas e drogas.

Conforme as autoridades, nos nove bairros ocupados moram 20 mil pessoas que “foram liberadas definitivamente” da presença do crime organizado que dominava o território sem a “presença do Estado”.

A intenção das autoridades é instalar nessas áreas as “Unidades de Polícia Pacificadoras (UPPs)”. EFE (more…)

Comentários desativados em Polícia e Forças Armadas concluem ocupação de 9 favelas no Rio

Ampliação de ‘guerras nas favelas’ é risco para o Brasil, dizem pesquisadores

Posted in Américas, Segurança Nacional & Defesa by Nejme Joma on 28/01/2011

Brasil – BBC News

Nem a guerra nas favelas colocou o Brasil na lista dos países mais suscetíveis a episódios de agitação política nos próximo cinco anos, mas o país passaria a correr esse risco se o conflito se alastrar, segundo os pesquisadores Sam Bell e Amanda Murdie, professores assistentes de Ciência Política na Universidade do Kansas.

“Produzimos esta lista mais ou menos na mesma época da violência nas favelas do Brasil (por conta da ocupação do Morro do Alemão no Rio de Janeiro). E ficamos surpresos que o que Brasil não estivesse nela”, diz Sam Bell.

“Entretanto, nos demos conta depois de que a violência no Brasil não parece ser politicamente motivada; é mais de natureza mais criminal, e nosso modelo não capta isto”, afirma.

Analisando os dados de violência política doméstica em 150 países entre 1990 e 2009, os pesquisadores levam em conta três fatores para determinar os países mais vulneráveis a aumentos nos episódios de agitação política direcionada contra o governo.

O primeiro é o nível de repressão do Estado contra os cidadãos, que inflama as tensões e encoraja levantes contra o governo.

O segundo é a facilidade de coordenar os protestos, incrementada em grande medida pelo advento das tecnologias móveis, como celulares, redes sociais, blogs e o site Twitter. (more…)

Comentários desativados em Ampliação de ‘guerras nas favelas’ é risco para o Brasil, dizem pesquisadores