Clipping de Relações Internacionais

Carnaval brasileiro é ‘made in China’, diz ‘Financial Times’

Posted in Américas, Opinião Pública/Mídia by Emilia C. de Paula on 07/03/2011

BRasil – BBC – 07/03/11.

Uma reportagem do jornal britânico Financial Times afirma nesta segunda-feira que o Carnaval no Brasil é “made in China”.

(more…)

Comentários desativados em Carnaval brasileiro é ‘made in China’, diz ‘Financial Times’

Prolifera la pornografía infantil en EEUU

Posted in Américas by Emilia C. de Paula on 07/03/2011

SAN FRANCISCO – AP – 07/03/11.

La agente del FBI Stacie Lane se sentó frente a la computadora de su oficina en Maryland una mañana de junio del 2007, abrió el famoso programa de software LimeWire para compartir archivos, escribió “10yo” e inició la búsqueda de pornografía infantil.

(more…)

Comentários desativados em Prolifera la pornografía infantil en EEUU

Novas informações sobre atividade nuclear do Irã preocupam:AIEA

Posted in Controle de Armas, Armas Nucleares & Desarmamento, Oriente Médio by Nejme Joma on 07/03/2011

VIENA (Reuters)

– O chefe da agência nuclear da Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou na segunda-feira que informações recém-recebidas sobre o Irã somam-se às preocupações sobre os possíveis aspectos militares do polêmico programa nuclear daquele país.

Yukiya Amano, diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), expressou uma frustração crescente com o que o organismo sediado em Viena considera o fracasso do Irã em responder às acusações de que pode estar trabalhando para desenvolver um míssil nuclear.

“Não estamos dizendo que o Irã tenha um programa de armas nucleares. Estamos preocupados e queremos esclarecer o assunto”, disse ele numa entrevista coletiva.

Amano disse que a AIEA recebeu desde o ano passado algumas “informações trazendo mais preocupação”, sugerindo que são sobre supostas atividades antes e depois de 2004. Ele não deu mais detalhes.

O Irã nega as acusações do Ocidente,de que esteja tentando desenvolver armas nucleares. O governo diz que as atividades atômicas têm como objetivo gerar eletricidade para que possa exportar mais petróleo e gás.

Há anos o AIEA investiga as informações da inteligência do Ocidente, indicando que o Irã tem coordenado esforços para processar urânio, testar explosivos em alta altitude e modernizar um cone de míssil balístico para que ele transporte uma ogiva nuclear.

O Irã diz que as acusações são uma fraude. (more…)

Clima e biocombustíveis ameaçam segurança alimentar, diz FAO

Posted in Meio-Ambiente, Regiões by Nejme Joma on 07/03/2011

MILÃO (Reuters)

A mudança climática, trazendo enchentes e estiagens, a demanda crescente por biocombustíveis e políticas nacionais para proteger o mercado interno poderão aumentar o preço dos alimentos e ameaçar a segurança alimentar no longo prazo, alertou a Organização das Nações Unidas (ONU).

Os preços elevados e voláteis dos alimentos são uma preocupação mundial cada vez maior, e em parte também estimularam os protestos que derrubaram os governantes da Tunísia e do Egito este ano. Os impactos dos protestos são sentidos pelo norte da África e no Oriente Médio, da Argélia ao Iêmen.

Períodos de instabilidade de preço não são uma novidade para a agricultura, mas os choques recentes de preço provocados pelo clima extremo e pelo uso cada vez maior de grãos para produzir energia têm causado grande preocupação, disse a FAO, braço da ONU para agricultura e Alimentação (FAO).

“Há temores de que a volatilidade de preço esteja aumentando”, disse a FAO no relatório Estado dos Alimentos e da Agricultura, publicado na segunda-feira.

A influência cada vez maior do mercado de commodities e as “respostas contraproducentes da política protecionista (aos preços elevados) podem exacerbar a volatilidade do mercado internacional e colocar em risco a segurança alimentar mundial”, diz o documento.

A FAO, que tem sede em Roma, já advertiu os países produtores de alimentos contra a introdução de limites de exportação para proteger os mercados locais, à media que os preços dos alimentos no mundo pressionam para além dos níveis que deflagraram as violentas revoltas em 2007 e 2008. (more…)

Comentários desativados em Clima e biocombustíveis ameaçam segurança alimentar, diz FAO

FMI alerta para superaquecimento em emergentes

Posted in Américas, Economia, Comércio & Finanças by Nejme Joma on 07/03/2011

WASHINGON (Reuters)

As economias emergentes com rápido crescimento estão começando a mostrar sinais de superaquecimento, disse um funcionário de alto escalão do FMI na segunda-feira.

Muitos países emergentes, incluindo a China, têm lutado para conter a inflação e controlar a forte entrada de capital para investimentos em suas economias.

Apesar de o fundo ter avisado há meses sobre o risco de pressão sobre os preços, os comentários do vice-diretor-gerente John Lipsky sugerem que o fundo vem visivelmente aumentando sua preocupação sobre o tema.

“Para as economias emergentes, crescendo a 6,5 a 7 por cento, suas margens de excesso de capacidade já foram amplamente usadas, e como resultado estamos começando a ver sinais incipientes de superaquecimento”, disse Lipsky ao Reuters Insider em uma entrevista.

O aumento recente no preço do petróleo têm se somado ao problema inflacionário, mas Lipsky disse que o FMI não cortou sua projeção de crescimento global porque acredita que essa elevação será temporária.

Ele disse que até que os confrontos se estendessem à Líbia, que é produtora de petróleo, muito do aumento nos preços de petróleo no final de 2010 e no início de 2011 era um reflexo de uma melhora nas perspectivas econômicas.

Apesar disso, as preocupações recentes sobre interrupções na oferta geraram um “fator medo” que levou o barril do petróleo a superar a casa dos 100 dólares, e que, se sustentado, esse cenário poderia impor uma ameaça maior ao crescimento. (more…)

Comentários desativados em FMI alerta para superaquecimento em emergentes

Wikileaks traz críticas dos EUA ao Mercosul

Posted in Américas, Política & Política Externa by Nejme Joma on 07/03/2011

EUA – Estadão

O jornal portenho “Página 12” divulgou hoje o conteúdo de telegramas do Departamento de Estado dos EUA que indicavam que em 2007 o governo do então presidente George W. Bush considerava que “a entrada da Venezuela no Mercosul altera claramente o balanço e a dinâmica da organização”. Segundo os telegramas, filtrados pela Wikileaks, Washington considerava o bloco comercial do Cone Sul uma organização de oposição pertinaz aos Estados Unidos: “o Mercosul gradualmente foi transformando-se de uma união alfandegária imperfeita em uma organização mais restritiva e antiamericana”.

Na época, a Venezuela – governada pelo presidente Hugo Chávez – estava tentando ser aceita como sócia plena do Mercosul. Apesar da aprovação dos parlamentos do Uruguai e da Argentina, encontrava resistências nos Senados brasileiro e paraguaio (o senado brasileiro aprovou a entrada da Venezuela em 2009, enquanto que o Paraguai ainda não debateu o pedido de inclusão do país caribenho, devido à resistência da oposição e de parte do bloco governista).

As definições dos EUA sobre o Mercosul foram emitidas durante uma série de reuniões que foram realizadas nos dias 8 e 9 de maio de 2007 no Rio de Janeiro pelos embaixadores americanos no Brasil, Uruguai, Argentina, Paraguai e Chile. O telegrama, classificado como “secreto” no dia 17 de maio de 2007 por Michael J. Fitzpatrick, da embaixada dos EUA na capital paraguaia, Assunção, leva o título de “Conferência: uma perspectiva do Cone Sul sob a influência de Chávez”.

Segundo os telegramas filtrados pela Wikileaks e publicados pelo “Página 12”, os embaixadores americanos concluíram no final da reunião que “a campanha de Chávez para expandir sua influência no Cone Sul é multifacética e está apoiada em grande parte – mas não totalmente – em uma generosa assistência energética e acordos de investimento”. Os diplomatas consideraram que “poucos países provaram que foram capazes de resistir ao atrativo da ajuda venezuelana e seus pacotes de investimento”. (more…)

Tagged with: , , ,

Comentários desativados em Wikileaks traz críticas dos EUA ao Mercosul

Onda de rebeliões no norte da África e no Oriente Médio

Posted in Oriente Médio, Política & Política Externa by Nejme Joma on 07/03/2011

CAIRO (AFP)

Estes são os últimos acontecimentos no norte da África e no Oriente Médio, regiões afetadas por uma onda de protestos políticos e sociais sem precedentes.

LÍBIA – Aviões de Muamar Kadhafi bombardearam nesta segunda-feira as cercanias do porto petroleiro de Ras Lanuf (leste), dando continuidade a uma contraofensiva para esmagar a rebelião que há três semanas controla uma parte do país.

França e Grã-Bretanha trabalham em um projeto de resolução do Conselho de Segurança das Nações Unidas para impor uma zona de exclusão aérea na Líbia.

A Liga Árabe transmitiu nesta segunda-feira seu apoio ao projeto de resolução, anunciou o ministério francês das Relações Exteriores, que evocou as manifestações feitas neste sentido pelo secretário-geral Amr Moussa ao chanceler Alain Juppe.

As monarquias árabes do Golfo também estão a favor da criação pela ONU de uma zona de exclusão aérea, segundo um comunicado emitido ao término de uma reunião de chanceleres do Conselho de Cooperação do Golfo, em Abu Dabi.

TUNÍSIA – O primero-ministro tunisiano interino, Beji Caid Essebsi, formou nesta segunda-feira um governo de tecnocratas, cuja primeira missão é a segurança e a economia, deixando de fora os últimos ministros herdados do presidente deposto Ben Ali e a oposição, que não conta com nenhum membro no novo gabinete.

As novas autoridades deram outro sinal forte ao anunciar a dissolução da temida Direção da Segurança do Território (DST) e da polícia política, que fez o terror reinar durante os 23 anos de poder de Zine El Abidine Ben Alí.

EGITO – O novo governo egípcio dirigido por Essam Sharaf, livre de várias figuras da era Mubarak, como exigiam os manifestantes pró-democráticos, prestou juramento nesta segunda-feira perante o chefe do Conselho Supremo das forças armadas, o marechal Hussein Tantawi.

Seis ministérios foram renovados, incluindo os de Interior, Relações Exteriores e Justiça.

IÊMEN – Milhares de garis iniciaram uma greve em Sanaa para exigir um aumento salarial. Três deles ficaram feridos quando a polícia interveio para dispersar a manifestação. (more…)

Tagged with: , , ,

Comentários desativados em Onda de rebeliões no norte da África e no Oriente Médio

Obama considera opción militar contra Libia

Posted in Américas, Política & Política Externa by Emilia C. de Paula on 07/03/2011

EUA – AP – 07/03/11.

El presidente Barack Obama le advirtió el lunes al gobierno de Libia que Estados Unidos y sus aliados de la OTAN siguen considerando opciones militares en respuesta a lo que llamó ”inaceptable” violencia perpetrada por los partidarios de Moammar Gaddafi.

(more…)

Comentários desativados em Obama considera opción militar contra Libia

Popularidade do Brasil é a que mais cresce em pesquisa global

Posted in Américas, Opinião Pública/Mídia by Emilia C. de Paula on 07/03/2011

Brasil – BBC – 07/03/11.

Uma pesquisa anual do Serviço Mundial da BBC conduzida em 27 países revela que as opiniões positivas sobre a influência do Brasil no mundo tiveram o maior aumento entre as nações pesquisadas, passando de 40% a 49%.

(more…)

Comentários desativados em Popularidade do Brasil é a que mais cresce em pesquisa global

Coalizão governista vence eleições legislativas na Estônia

Posted in Política & Política Externa, Rússia & Ásia Central by Nejme Joma on 07/03/2011

Moscou, 7 mar (EFE).

A coalizão governista na Estônia liderada pelo Partido da Reforma Estoniana (ER) – do primeiro-ministro, Andrus Ansip – ganhou as eleições parlamentares realizadas no dominog, segundo os dados preliminares anunciados nesta madrugada pela Comissão Eleitoral Central (CEC).

O ER ficou à frente dos demais partidos, com 28,6% dos votos, e consegue assim 33 das 101 cadeiras da Assembleia do Estado, duas a mais que nas eleições legislativas anteriores, realizadas em 2007.

 Em segundo lugar ficou a legenda de centro-esquerda Partido de Centro Estoniano (EK) – do prefeito de Tallinn, Edgar Savisaar -, com 23,3% dos votos, o que representa 26 cadeiras do Legislativo unicameral, três a menos que no pleito anterior.

 Já o partido de centro-direita Res Publica, do ex-primeiro-ministro Mart Laar, que integra a coalizão governista, recebeu 20,5% dos votos, somando 23 cadeiras no Parlamento, quatro a mais que nas eleições passadas. (more…)

Tagged with: , ,

Comentários desativados em Coalizão governista vence eleições legislativas na Estônia

ONU pede US$ 160 milhões para vítimas do conflito

Posted in África, Direitos Humanos by Nejme Joma on 07/03/2011

GENEBRA (AFP) – As agências humanitárias da ONU fizeram nesta segunda-feira um pedido para arrecadar 160 milhões de dólares de ajuda para as vítimas do conflito na Líbia.

“Em resposta à atual crise na Líbia, que provocou a entrada de 191.748 pessoas nos países vizinhos como Tunísia, Egito e Níger, a ONU, a Organização Internacional para Migrações (OIM) e as agências associadas fazem um apelo regional urgente”, afirma um comunicado oficial.

 O apelo inclui 17 organizações de ajuda humanitária, entre elas a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Programa Alimentar Mundial (PAM). (more…)

Tagged with: , , , ,

Comentários desativados em ONU pede US$ 160 milhões para vítimas do conflito

Irlanda quer cortejar a Europa com obediência fiscal

Posted in Economia, Comércio & Finanças, Europa by Nejme Joma on 07/03/2011

DUBLIN, 6 de março, 14h43 (Reuters) 

 O novo governo da Irlanda vai respeitar as metas orçamentárias definidas no pacote de resgate de 85 bilhões de euros da UE e do FMI, enquanto procura convencer seus parceiros europeus a lhe dar condições melhores sobre os empréstimos.

O futuro primeiro-ministro Enda Kenny está sendo fortemente pressionado a persuadir a Alemanha, principal financiadora da Europa, a reduzir a taxa de juros que Bruxelas está cobrando e dar mais templo a Dublin para reestruturar seus bancos antes de serem definidos os termos de um acordo europeu sobre a crise da dívida, o que deve ser feito em uma cúpula marcada para 24-25 de março.

O acordo de formação de uma coalizão entre o partido de centro-direita Fine Gael, de Kenny, e o Partido Trabalhista, de centro-esquerda, fechado pouco após a meia-noite e aprovado pelos dois partidos no domingo, parece visar agradar à fiscalmente a conservadora Alemanha e passar uma borracha sobre parte do discurso anti-UE que marcou a campanha. (more…)

Tagged with: , , ,

Comentários desativados em Irlanda quer cortejar a Europa com obediência fiscal