Clipping de Relações Internacionais

Irã pede por organismo mundial livre do controle de potências

Suíça – Reuters – 19/07/2010

O importante político iraniano Ali Larijani, cujo país está sob forte pressão da Organização das Nações Unidas (ONU) por causa de seu programa nuclear, defendeu na segunda-feira um organismo mundial forte livre da dominação das grandes potências.

Falando a uma plateia que incluía o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, Larijani afirmou que o novo organismo deveria englobar “as elites” da ONU e da União Interparlamentar (UIP) e garantir mais justiça no sistema global.

“A estrutura vigente de poder não apenas tem sido incapaz de garantir a paz e a segurança internacional, mas também levou à emergência de novos fenômenos como o terrorismo em um contexto muito perigoso e organizado,” declarou.

“Sem dúvida essa inabilidade ocorre em razão dos duplos padrões e das políticas unilaterais exercidas pelas grandes potências, incluindo os EUA,” acrescentou Larijani.

Atual presidente do Parlamento e ex-principal negociador do Irã para o desarmamento, ele falava durante uma reunião de presidentes de parlamentos de países membros da UIP sobre o aumento da imputabilidade democrática global.

O Conselho de Segurança da ONU impôs novas sanções ao Irã em junho por causa do programa nuclear do país. Rússia e China apoiaram as propostas norte-americanas destinadas a intensificar a pressão sobre Teerã.

O Irã afirma que o programa destina-se apenas a fins pacíficos, mas as potências ocidentais acreditam que o país tenta produzir armas nucleares.

Mais cedo, Ban reuniu-se com Larijani e disse a jornalistas que os dois haviam conversado sobre como a questão iraniana poderia ser resolvida harmoniosamente.

“Eu enfatizei a importância de o governo iraniano trabalhar junto com a comunidade internacional para resolver essa questão por meio do diálogo e das negociações,” afirmou ele.

Disponível em: http://br.reuters.com/article/worldNews/idBRSPE66I0GQ20100719 Acesso em: 19/07/2010

Comentários desativados em Irã pede por organismo mundial livre do controle de potências

%d blogueiros gostam disto: