Clipping de Relações Internacionais

EUA dizem avaliar novas opções para a Coreia do Norte

Posted in Ásia & Oceania, Política & Política Externa by Emilia C. de Paula on 05/06/2010

Cingapura – Reuters  – 05/06/10.

Os Estados Unidos declararam neste sábado que avaliam novas opções, para além das Nações Unidas, para punir a Coreia do Norte, acusada pela vizinha do sul de afundar um navio militar e aumentar a tensão na península.

Seul reclamou ao Conselho de Segurança das Nações Unidas sobre o afundamento da embarcação em março, incidente que deixou 46 marinheiros mortos. A Coreia do Sul e seu principal aliado, os Estados Unidos, acusaram o regime comunista do norte de afundar o navio. Ainda não está claro que ação as Nações Unidas podem tomar.

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Robert Gates, afirmou durante uma reunião sobre segurança em Cingapura que é uma “responsabilidade coletiva” dos Estados asiáticos lidar com as “provocações” norte-coreanas. Há pressões para que uma relutante China tome alguma medida em relação aos norte-coreanos, aliados de muito tempo.

“Não fazer nada seria estabelecer um precedente ruim”, disse Gates, num encontro com os seus colegas sul-coreano e japonês.

De forma privada, Gates afirmou aos ministros que era importante mostrar uma “frente unida para deter outras provocações” pela imprevisível Coreia do Norte, afirmou um porta-voz do Pentágono.

Gates afirmou que os Estados Unidos aumentariam o número de exercícios militares conjuntos com a Coreia do Sul e apoiariam “ações” de Conselho de Segurança em resposta ao ataque.

“Ao mesmo tempo, estamos analisando opções adicionais para que a Coreia do Norte seja responsabilizada”, disse ele, sugerindo que os Estados Unidos e seus aliados poderiam agir de forma unilateral ou numa coalizão.

Em Washington, autoridades avaliam a possibilidade de mais sanções econômicas, expandir buscas por embarcações norte-coreanas e fazer exibições de força militar.

A Coreia do Norte nega responsabilidade no afundamento da embarcação do sul e acusa o presidente da Coréia do Sul, Lee Myung-bak, de armar o incidente, na proximidade de eleições.

O Norte já declarou várias vezes que “a guerra pode começar a qualquer momento”.

Lee prometeu ser mais estrito, mas descartou a possibilidade de um conflito aberto.

Disponível em:

http://br.reuters.com/article/topNews/idBRSPE65402O20100605?sp=true

Comentários desativados em EUA dizem avaliar novas opções para a Coreia do Norte

%d blogueiros gostam disto: