Clipping de Relações Internacionais

Aeroportos e companhias pedem revisão de restrições a voos na Europa

Posted in Europa, Meio-Ambiente by Ana Carolina Rosso on 18/04/2010

ALEMANHA – ESTADAO – 18/04/2010

A companhias aéreas e os aeroportos da Europa estão pedindo uma revisão imediata das restrições de voo impostas pela agência de controle aéreo do continente, a Eurocontrol, por conta das cinzas expelidas por um vulcão no sul da Islândia desde a quarta-feira, informa a agência BBC neste domingo, 18.

O Conselho de Aeroportos Internacionais europeu (ACI Europe) e a Associação de Linhas Aéreas Europeias (AEA, na sigla em inglês), emitiram um comunicado em conjunto dizendo que as medidas aplicadas pela Eurocontrol são exageradas. “A erupção do vulcão islandês não é um evento sem precedentes e os procedimentos aplicados em outras partes do mundo em ocasiões como essa não requerem o tipo de restrição que estão sendo usadas atualmente na Europa”, informa o documento.

As companhias aéreas realizaram voos testes para verificar quais as condições para operar as aeronaves com a nuvem de cinzas na atmosfera. Os resultados mostraram que os aviões não sofreram nenhum dano e que as viagens transcorreram sem quaisquer imprevistos.

Por conta do fechamento parcial do espaço aéreo europeu, o número de voos cancelados no continente poderá chegar até 60 mil desde que as restrições começaram a valer, a partir da noite da quarta-feira. Só neste domingo, estima-se que 20 mil voos serão cancelados, cerca de 80% do que os aeroportos europeus costumam operar.

As restrições foram impostas pela Eurocontrol pelos temores de que as cinzas expelidas pelo vulcão Eyjafjallajökull possam danificar os motores das aeronaves. As companhias aéreas estimam que o bloqueio cause perdas de US$ 200 milhões por dia. Além disso,

Permanecem com o espaço aéreo fechado Áustria, Bélgica, Bulgária, República Checa, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Hungria, Irlanda, Letônia, Luxemburgo, Holanda, Polônia, Eslováquia, Suécia, Suíça e Reino Unido.

As regiões norte da Itália e da Noruega também têm restrições, mas operam alguns voos. Aeroportos de Grécia, Portugal, Rússia, Turquia, Ucrânia e Espanha operam normalmente.

Testes

Na Alemanha, os controladores de voo deram permissão para a realização de algumas viagens, mas somente para destinos específicos. Em Frankfurt e Hahn, por exemplo, foram permitidas viagens de pequeno porte amém as 20 horas (17 horas em Brasília), mas apenas para certas cidades ao norte.

Já nos aeroportos de Berlim, Hannover, Erfurt e Leipzig, somente voos para a região leste puderam decolar até as 20 horas. Em Hamburgo, as restrições havias sido retiradas, mas a decisão foi revertida logo depois.

A KLM, companhia alemã de carga, realizou alguns voos testes neste domingo e, segundo o diretor-executivo da empresa, Peter Hartman, que estava em uma das aeronaves que decolou, não houve nada “fora do comum”. “Se a avaliação técnica confirmar isso, esperamos conseguir o quanto antes a permissão para reiniciar nossas operações”, disse.

Steven Verhagen, vice-presidente da Associação de Pilotos da Alemanha, disse que, em sua opinião, “não há absolutamente nenhuma razão em temer o reinício dos voos”. “Estamos pedido para as autoridades revisarem a situação, porque nunca há 100% de segurança. É fácil fechar o espaço aéreo porque há alguns riscos. Mas em algum momento deve haver reabertura”, completou.

Meteorologistas, porém, alertaram que a situação no céu europeu permanece instável e em constante mudança por conta dos ventos. As erupções vulcânicas regulares e esporádicas também podem afetar a situação, uma vez que pode aumentar repentinamente a quantidade de cinzas na atmosfera.

Disponível em: http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,aeroportos-e-companhias-pedem-revisao-de-restricoes-a-voos-na-europa,539960,0.htm Acesso em: 18/04/2010

Comentários desativados em Aeroportos e companhias pedem revisão de restrições a voos na Europa

%d blogueiros gostam disto: