Clipping de Relações Internacionais

ONU: mais de 20 mil fogem de violência étnica na África

Posted in África, Paz & Conflito, Social & Questões Culturais by Helen Schossler on 11/11/2009

Suíça – Agência Estado – 10/11/2009

A Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) informou hoje que mais de 20 mil pessoas fugiram do norte da República Democrática do Congo (ex-Zaire), para escapar de confrontos étnicos que deixaram 60 mortos. Um porta-voz do Acnur afirmou que a violência aparentemente envolveu direitos sobre terras para cultivo e também direitos de pesca.

A fonte disse que membros da etnia Munzaya começaram a fugir da província de Equateur, na República Democrática do Congo, após supostamente terem sido atacados por membros da tribo Enyele. Segundo testemunhas, milícias foram “de casa em casa, pilhando, estuprando e matando”.

O porta-voz disse que funcionários do Acnur que trabalham perto da fronteira, no vizinho Congo – um pequeno país, também chamado de Congo-Brazzaville para diferenciá-lo do vizinho – podiam ainda observar a fumaça das casas queimadas na segunda-feira.

Disponível em: http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,onu-mais-de-20-mil-fogem-de-violencia-etnica-na-africa,464247,0.htm Acesso em: 11/11/2009

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Monique said, on 08/12/2009 at 0:39

    Desde o imperialismo a Àfrica entrou em grande processo de conflitos étnicos. A sua partilha feita no Congresso de Berlim deteriorou suas relações pacíficas,pois nao se pensou no povo africano apenas se pensou no interesse econômico do homem branco. Novamente na história se repetiu o egoísmo do homem europeu.

    Atualmente, a Àfrica ainda vive tempos de sangue,fome e aids. Os paises mais desenvolvidos souberam no passado interferir mas porque agora nao interferem para reparar o dano?

    Acredito que todos esses paises que “dividiram” o continente africano deveriam ficar responsabilizados a devolver a paz,de forma a começar pelo auxilio as crianças desnutridas que nao podem pagar por um erro do passado,isso para inicio de conversa, pois é necessário primordialmente pensar na sociedade e depois devolver ou entregar pela primeira vez a democracia aos governos.Não pode-se afirma que todos os problemas africanos foram contraidos por causa do homem branco,porém pode-se afirma que a maioria deles foi.

    Se hoje milhares de africanos fogem de sua terra mãe por conflitos etnicos ,os paises responsáveis precisam estar preparados para ajudar.


Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: