Clipping de Relações Internacionais

Negociações sobre crise das Honduras vão ser retomadas no sábado

Posted in Américas, Política & Política Externa by Nejme Joma on 13/07/2009

Mundo -Última Hora –  13/07/2009.

As negociações para tentar ultrapassar a crise política nas Honduras vão ser retomadas no sábado na Costa Rica, anunciou hoje o Presidente em exercício, Roberto Micheletti, designado depois do golpe militar que, a 28 de Junho, afastou Manuel Zelaya da chefia do Estado.“Não oficialmente, soubemos que vamos ser convidados pelo Presidente Oscas Arias para continuar as conversações na Costa Rica”, disse Micheletti, segundo a Reuters.

A declaração foi feita depois da posse de Carlos Lopez, principal negociador pelo lado do governo interino, como ministro dos Negócios Estrangeiros.

As conversações começaram no final da semana passada, mas, até agora, registaram-se poucos ou nenhuns progressos. Zelaya, acusado pelos opositores de estar a preparar um referendo que lhe permitisse alterar a Constituição para continuar no poder, insiste no regresso ao cargo. Micheletti tem dito que o governo interino que lidera não irá aceitar “em circunstância nenhuma” esse cenário.

Numa entrevista à Reuters, ontem, o Presidente interino sugeriu que o novo regime poderá conceder uma amnistia ao deposto Manuel Zelaya – forçado a abandonar o país, de pijama, sob a ameaça dos militares – se este se entregar voluntariamente à Justiça hondurenha.

“Se ele regressar em paz para, antes de mais, se entregar às autoridades, não tenho qualquer problema em que lhe seja dada [uma amnistia]”, asseverou Micheletti, pouco após ter sido levantado o recolher obrigatório no país, imposto desde que Zelaya foi deposto. Apesar da medida, os jornalistas da estação latino-americana Telesur, com sede na Venezuela, deixaram no domingo as Honduras, com queixas de estarem a ser ameaçados pelas autoridades, o que é negado por estas.

A Organização dos Estados Americanos – que suspendeu as Honduras como país´-membro – e as Nações Unidas têm apelado à recondução de Manuel Zelaya, que termina o mandato no início do próximo ano. O governo interino de Tegucigalpa não é reconhecido por qualquer executivo estrangeiro.

Disponível em: http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1391610&idCanal=10

Comentários desativados em Negociações sobre crise das Honduras vão ser retomadas no sábado

%d blogueiros gostam disto: